Revender roupas em casa é um bom negócio? Siga as dicas!

Iniciar um negócio para revender roupas em casa é uma ótima maneira de começar no varejo de roupas sem investir em aluguel. Dessa forma, você evita investir em um espaço, serviços e impostos, por isso começar de casa tem muito mais benefícios do que uma loja física.

A única desvantagem é o espaço, pois se você tiver um local pequeno para guardar roupas, seu negócio ficará restrito em tamanho e escopo. Em geral, uma costureira não pode trabalhar em mais de 2 peças por vez, portanto, se precisar contratar mais costureiras para sua produção, terá que ampliar seu espaço. Você também tem a opção de contratar um terceiro para suas roupas ou comprar as roupas diretamente de outras fábricas, aí sim seria mais viável.

Concentre-se em roupas ideais para trabalhar em casa

Você deve se concentrar em revender roupas ideais para trabalhar em casa, que não ocupem espaço de armazenamento, ou roupas que possam ser enviadas pelo fabricante (se você terceirizar o trabalho). Muitas empresas de roupas que atuam em casa enviam itens de sua casa ou diretamente da fábrica onde você os compra.

Outra boa opção é criar um ateliê ou escritório em casa, assim você pode oferecer um atendimento mais personalizado. Sendo uma excelente opção se você é designer, com foco em mulheres que procuram roupas sob medida.

Considerações comerciais especiais

  • Como dissemos, algo essencial para um negócio de roupas a partir de casa é o espaço de armazenamento, uma área de escritório e ter o apoio de sua família para começar.
  • Deixe claro que seu trabalho conta e que você não está doando seu tempo. Bem, muitas pessoas pensam que só porque trabalham em casa, têm muito tempo disponível.
  • Atenha-se a um cronograma e horários de trabalho como qualquer outro negócio.

Outros pontos a ter em conta são as questões legais, se pretende iniciar um negócio de vestuário a partir de casa deve verificar todas as leis da sua zona.

Encontrar um provedor

Você precisará encontrar um fornecedor para seus tecidos ou, se decidir revender roupas, encontre um fornecedor que ofereça os melhores preços no atacado. Descubra também se os fabricantes oferecem o envio de itens para que você possa evitar enviá-los você mesmo.

Crie contas nas redes sociais

Para que seu negócio fique mais visível, é recomendável criar contas em todas as redes sociais, publicar conteúdo e todos os produtos que você vende. Oferecer também um desconto para “ganhar” clientes, sem dúvida a internet é uma ótima ferramenta para conseguir clientes.

Poste fotos de qualidade  do produto

Algo que muitos não levam em conta no ramo de vestuário é a fotografia de produtos, pois uma excelente fotografia atrairá muito mais atenção dos clientes. Por isso, invista em uma boa câmera e aprenda a tirar fotos nos melhores ângulos.

Crie um site

Um site dará uma imagem melhor ao seu negócio, por isso, se você tiver capital para isso, poderá investir em um site para mostrar todos os seus produtos e os diferentes descontos que você oferece. Hoje você pode criar sites com investimento mínimo e seu negócio ficará muito mais profissional.

Comentários estão fechados.